Colesterol

No dia 8 de agosto comemoramos o Dia Nacional de Controle ao Colesterol, por isso, durante todo o mês de agosto a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia e a Sociedade Brasileira de Cardiologia promovem eventos para conscientizar a população dos riscos de ter o colesterol sanguíneo elevado. Esse alerta se faz necessário porque o aumento do colesterol está relacionado ao desenvolvimento de doenças como infarto agudo do miocárdio e acidente vascular cerebral (AVC).

O colesterol é um componente essencial para o funcionamento do corpo humano, e fundamental para a produção de hormônios como o cortisol, a testosterona e o estrogênio, além de vitamina D e ácidos biliares.

As principais proteínas transportadoras do colesterol são as LDL-colesterol, que são conhecidas como “mau colesterol” porque, quando em níveis elevados no sangue, depositam o excesso de colesterol na parede dos vasos sanguíneos, formando placas gordurosas que os estreitam, dificultando a passagem sanguínea e possibilitando que as mesmas se rompam, formando trombos (coágulos) e, assim, doenças como o infarto e o AVC.  Já as proteínas HDL-colesterol, “bom colesterol”, o removem das paredes das artérias, promovendo assim uma “limpeza” os vasos sanguíneos.

Dentre os fatores envolvidos no aumento dos níveis de colesterol estão a genéticadoenças (como hipotireoidismo) e erros alimentares.

Histórico familiar de doenças cardíacas, tabagismo, hipertensão arterial, diabetes e demais comorbidades podem mudar o alvo de valores de colesterol em relação aos apontados pelos laboratórios como normais para cada faixa etária.

O tratamento envolve principalmente a melhora do padrão alimentar (baixo consumo de açúcar e de gorduras saturadas, ausência de gordura trans, consumo adequado de gorduras mono e polinsaturadas, grãos integrais, fibras, frutas e hortaliças), realização de atividades físicas e, quando necessário, o uso contínuo de medicamentos que agem aumentado a captação do colesterol no sangue.

Dra Eline Dias Pereira – Médica Endocrinologista, membro titular da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia.